As Mulheres e o Empreendedorismo

Oii meninas!

E aí, vamos falar de negócios?

Como vocês já sabem, eu sou empreendedora há 12 anos. Comecei no ramo da estética com a franquia Onodera, e hoje sou dona da loja conceito da Petland no Cambuí, Campinas. É sobre isso que vim falar aqui hoje: O cenário do empreendedorismo e o Girl Power!

 

É um fato comprovado que os países em que as mulheres têm maior participação na economia são mais muito desenvolvidos. Um exemplo disso é a Chanceler alemã Angela Merkel (63 anos), há 12 anos no poder. Considerada atualmente a mulher mais poderosa do mundo, esta elegante senhora de Hamburgo chefia hoje o país mais populoso da Europa com estabilidade e índices de popularidade de dar inveja a qualquer outro líder político recentemente eleito. Venceu uma crise econômica que quase derrubou o continente todo, instaurando medidas de austeridade e desenvolvimento em sua nação. Wunderbar, Frau Merkel!

As empreendedoras estão conquistando cada vez mais espaço e ganhando mais ímpeto, por isso o timing para as mulheres na liderança do cenário empresarial se mostra ser mais promissor do que nunca, e quem sai ganhando somos todos nós como sociedade.

As mulheres por natureza já são líderes natas, formando e conduzindo melhores equipes, acabam se mostrando na maioria das vezes melhores gestoras em suas áreas e são mais respeitadas, avaliando com clareza os recursos necessários para atingir seus objetivos.

De acordo com o relatório da Dow Jones VentureSource Women at the Wheel: Do Female Executives Drive Start-Up Success?, hoje em dia os negócios que contam com mulheres na alta gerência têm muito mais chances de obter sucesso do que as empresas em que apenas os homens ocupam cargos de poder. Por isso o processo de empoderamento feminino está trazendo muitos resultados positivos para as empresas e por isso não deveria ser visto meramente como uma ação social, não é meninas? Mas principalmente como uma oportunidade de desenvolvimento empresarial e profissional.

Estamos vivendo um momento muito bom para o empoderamento feminino nos negócios, meninas. Não apenas porque somos capazes, mas porque podemos. Estamos conquistando nosso espaço e mostrando que NÓS somos o sexo forte.